sexta-feira, 12 de fevereiro de 2010

2010, vamos lá

Enfim, cá estou eu.

Se eu fosse listar aqui os motivos que me fizeram abandonar o blog dessa maneira, só terminaria em 2011. Então, pularemos essa parte e vamos ao que interessa.

A questão é a seguinte: desiludi. De vez. Tá foda de acreditar que um dia as coisas irão mudar, que o mundo não mais será essa merda que é hoje.

Cansei. Cansei de esperar que as boas ações sejam recompensadas e que as más sejam punidas. Decididamente, não é assim que funciona. Deveria ser, mas não é.

Uma coisa positiva que 2010 trouxe foi a volta da nossa amiguinha Luana (do "Caminhos da Lu" ), que esteve perdida em terras germânicas por um longo ano.
Porém, bastou pouco tempo de volta a seu país de origem para que ela já confrontasse a nossa realidade. Para que tudo isso que falei anteriormente se materializasse, deixando a guria tão revoltada quanto eu estou. Ou melhor, mais do que eu, bem mais , pq ela ta sentindo na pele toda essa podridão que nos rodeia.

Pra resumir a história (mais detalhes no blog da Lu), o seu cunhado foi assaltado praticamente na rua de casa (a meio minuto da minha casa, por sinal), levaram a moto e tudo mais que o rapaz possuía no momento e, não bastando, agora ligam pra familia (do celular que foi roubado dele) para exigir o pagamento de um resgate pela moto.

Ou seja: tu que trabalha, te fode a semana inteira pra ganhar os teus trocados e adquirir teus bens, agora é obrigado a entregar tudo de mão beijada pra um vagabundo qualquer, ficar sob a mira de um revolver e ainda ter que PAGAR pra reaver algo que é TEU?

E nem vou entrar no assunto "polícia", pq não quero generalizar as coisas, embora boa parte da revolta se deva ao descomprometimento da força policial nesse caso, que simplesmente optou por não se envolver na historia.

O problema é que "o mundo virou de pés pra cima, de patas pro ar", como diria a irmã Sofia. Quem deveria ser protegido, é alvo de violência constante. Quem deveria ser punido, tem seus direitos (?) preservados.

É assim quando se levanta a questão da pena de morte. Juro pra vocês que não consigo entender os argumentos de quem prontamente se levanta e diz "aiii, eu sou contra a pena de morte no Brasil, acho um absurdo."
Pois bem, bienvenidos al mundo de la pura hipocresia! Sinto informar, mas a pena de morte JÁ FOI IMPLANTADA aqui a muito tempo.

Cada vez que tu recebe teu salário, vai la e compra uma moto, um carro, um celular ou mesmo um boné que seja, tu pode estar automaticamente te sentenciando, pq vem o bandido e te dá um tiro na fuça pra levar o que tu trabalhou tanto pra conseguir.

Com ele, o teu carrasco, não há de acontecer nada. Ele tem todo o amparo da lei, seus direitos estão assegurados. Já tu, foi condenado e executado, sem direito a defesa. Sem ninguém ir na tua casa perguntar se a tua familia ta bem, se precisam de alguma coisa e tal.

Essa inversão de valores é que faz com que pessoas como eu desacreditem em um mundo melhor. Não vejo daonde possa vir essa melhora.
Pra ter uma idéia, até no BBB, o favorito para ganhar o prêmio é um ogro machista e preconceituoso... e olha que isso é um jogo, um programa bagaceiro de televisão onde o povão (em tese) fica responsável por escolher quem merece vencer ou não.


Mas de qualquer modo, é um puta de um soco no estômago a idolatria por um sujeito como aquele, grosseiro e que agride de forma covarde não só as pessoas que estão lá com ele, como também quem tá de fora, assistindo seu festival de besteirol e vendo o Brasil bater palmas pra um cara que é homofóbico, tem uma suástica tatuada na pele (não venham me dizer que aquilo não é simbolo Nazi, pq é sim, quem olha pra tatuagem logo associa as coisas), não tem um pingo de educação e respeito e, ainda por cima, presta um puta de um desserviço jogando informações completamente erradas no ar a respeito de algo muito sério, que é a questão da transmissão do vírus HIV.
E, claro, aumentando ainda mais o preconceito contra o pessoal GLBT, já que o astuto rapaz afirma que "somente gays transmitem aids".

Aliás, todo mundo aqui deve saber que temos uma representante sapinha no BBB, e que ela está sendo alvo da ira insana do hétero mal resolvido. Então, quem tiver a fim de dar um tapa na cara desse Dourado (que ainda por cima é gaúcho, envergonhando meu estado, fdp) e salvar a Morango do paredão, clica nesse link e vota pra proteger a menina:

http://bbb.globo.com/BBB10/Paredao/Votacao/0,,17411-p-2801,00.html

Ahh, só pra constar, o modo mais prático de manter a Morango pode ser votar no DICESAR, que fica babando ovo do Dourado, mesmo com tudo o que aquele ser odioso fala e faz na casa. Fica a dica ;)





x






Bom, me desculpem pelas palavras, mas precisava expressar um pouco da minha revolta. Agora sim, posso começar o ano decentemente. Ou quase isso.

2 comentários:

Chrys Farias disse...

Apausos para você pelo belíssimo texto!
Só uma ponderação: o caso da suástica é muito mais antiga que o a história do próprio Hitler na 2° guerra mundial.

Não tô defendendo ele, só é bom colocar que estão generalizando esse símbolo por um contexto histórico negativo( pra não dizer bárbaro) do século passado.

Mas enfim, pelo tipo de pessoa, caráter( se é que ele tem um) e personalidade(?), se encaixa perfeitamente em neo-nazista preconceituoso, homofóbico.

Comentário dele também afeta mulheres em geral o que eu ainda não vi falarem muito na blogosfera: " Se elas querem direitos iguais, vão levar porrada igual homem".

E nós mulheres vamos aplaudir e elevar a favorito um cara desse?
Lamentável...

Beijoss

Lelê Maria disse...

A suástica é o símbolo de um chakra, lá das coisas indianas, budista ( tudo a ver, iguais ahaha) Mas de qualuqer forma foi usado como simbolo nazi. Até pq o dourado não tem nadica de nada de indiano ou qlqr coisa associado a filosofia de qlqr movimento.

Quero a tua visita heim. bieijos